Mais Histórias Soltas

NO PASA NADA Quando cheguei em Madrid, em setembro de 1988, meu irmão Mário Ivo morava lá e estava voltando para Natal. Ainda passamos 15 dias juntos andando pela cidade. Ele me apresentou Madrid, e certa vez ele me levou para um café emblemático da cidade na época: o “Viva Madrid”. Estávamos bebendo e conversando […]

Continue lendo...

Deus me Louvre

Cresci vendo os impressionistas e pós-impressionistas na sala de jantar. Minha mãe tinha réplicas de quadros que para mim se tornaram emblemáticos como “O Cavalo Branco” (Paul Gauguin, 1898), que é todo verde por causa das folhagens. A luz que incide sobre ele foi filtrada através das folhas verdes da grande árvore presente no quadro. […]

Continue lendo...

Cinema, História e Rivotril

Nos anos 60, o antropólogo, sociólogo e filósofo Edgar Morin uniu-se ao etnólogo Jean Rouch para produzir o documentário “Crônica de um verão”. A obra viria a ser o filme seminal daquilo que se convencionou chamar de Cinema Verdade. Essa abordagem não esconde a intervenção do realizador no mundo que deseja registrar. O cineasta mostra […]

Continue lendo...